Informes sobre os encontros virtuais – família e equipe escolar

Nos dias 21 e 22 de julho (segunda e terça-feira passadas), realizamos os primeiros encontros virtuais entre famílias e equipe escolar – os encontros foram realizados em diferentes períodos e horários (segunda-feira de manhã e de noite, e terça-feira à tarde) com o uso de um aplicativo de vídeo-conferência.

Os encontros não tiveram uma pauta específica, pois a ideia era criar um canal de escuta para saber como as famílias e as crianças estão lidando com as situações geradas pela pandemia, com o afastamento das atividades letivas e trocar opiniões a respeito das possibilidades de um eventual retorno das atividades presenciais. Em alguns encontros, conversamos sobre as propostas de complementação pedagógica que estão sendo sugeridas pela escola.

Segue abaixo um resumo geral das discussões:

As famílias participantes relataram que suas crianças sentem falta das professoras, dos amiguinhos e da rotina escolar. Algumas relataram que as crianças começam a demonstrar sinais de ansiedade (inquietação e irritação) por causa das situações geradas pela pandemia e por não poderem ir para a escola.

A maioria das famílias participantes que realiza as atividades sugeridas pelas professoras expressou avaliação positiva sobre as mesmas. Algumas famílias demonstraram expectativas quanto às perdas de conteúdos – essa expectativa é muito presente em famílias de turmas do Infantil V, que costumam demonstrar preocupações com a alfabetização e preparação das crianças para o Ensino Fundamental.

Nos encontros que surgiram estas preocupações, conversamos sobre alguns conteúdos de aprendizagens na pré-escola, esclarecendo que a Educação Infantil não tem objetivo de preparação para o Ensino Fundamental, que alfabetização é uma meta para o segundo ano do Ensino Fundamental; neste ponto, contamos como a escola estimula as aprendizagens relacionadas à linguagem oral e escrita e sugerimos algumas possibilidades interessantes que podem ser feitas pelas famílias com as crianças (quem não viu, vale a pena conferir as propostas elaboradas pelas professoras, e que estão aqui em nosso blog e nos grupos das turmas no Facebook). Destacamos o papel do brincar como o principal meio que as crianças aprendem e como a antecipação de atividades de outras faixas etárias podem prejudicar o processo de aprendizagem das crianças.

Outro assunto que surgiu foi sobre a possibilidade de retorno das atividades presenciais. Até o dia da reunião não havia posicionamento oficial (em documento) por parte da Secretaria de Educação sobre uma previsão de data para o retorno e esclarecemos que, como o município tem se organizado pelas ações do governo do Estado, havia uma possibilidade de reinício gradual das atividades presenciais para a segunda semana de setembro, mas sem confirmação.

Ressaltamos que tratava-se apenas de previsão, pois a confirmação depende da avaliação sobre a evolução da pandemia (enquanto escrevíamos este registro, tivemos contato com entrevista de representante do governo municipal, em entrevista a um telejornal, afirmando que a prefeitura estuda adiar a data prevista inicialmente).

A respeito das possibilidades de retorno presencial, nos encontros virtuais explicamos que a Secretaria de Educação está elaborando orientações quanto à organização e cuidados que as escolas terão de tomar em um eventual retorno, bem como situações de flexibilização da frequência escolar, formas de justificativas das faltas e de acompanhamentos pedagógicos, adaptação da rotina e outras medidas de segurança para crianças e adultos. Como as orientações ainda estão em elaboração, também a equipe escolar não possui informações precisas para compartilhar no momento.

Considerando que crianças pequenas estão sempre em contato umas com as outras e que ainda estão aprendendo regras, famílias e equipe escolar compartilharam preocupações sobre os riscos de um retorno em meio à pandemia, pois é bem mais difícil garantir que todas as crianças sigam todos os procedimentos necessários o tempo todo. Acrescenta-se como dificultadores questões estruturais e de limpeza das escolas.

Algumas famílias sugeriram a realização de encontros virtuais entre professoras e crianças das turmas – ficamos de retomar essa sugestão com o grupo de professoras para encaminhar esta proposta.

Por fim, com a intenção de aprofundarmos as discussões sobre os temas e mantermos os vínculos entre equipe escolar e famílias, combinamos de realizar novos encontros virtuais, ficando o próximo encontro agendado para o dia 3 de agosto, às 19h30.

Publicado por EMEB Fernando Pessoa - São Bernardo do Campo

Pré-escola do Município de São Bernardo do Campo.

2 comentários em “Informes sobre os encontros virtuais – família e equipe escolar

  1. É muito importante esta interação , mas e as familias que nao tem acesso. Nem todos neste momento tem condiçoes de adquirir. Gostaria muito de saber como nos iremos participar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: